Programa gratuito de alfabetização e letramento para jovens e adultos prorroga inscrições até 15 de março

 





As inscrições estão abertas até 15 de março. As aulas serão realizadas presencialmente durante um período de quatro meses no campus de Taguatinga da Estácio Brasília.

Autonomia para utilizar o transporte público, ir ao banco, entender uma prescrição médica ou apenas desfrutar dos diversos recursos tecnológicos disponíveis hoje na palma da mão. Esses são exemplos que não fazem parte do cotidiano de uma parcela significativa da população. Segundo dados IBGE, divulgados em junho de 2019, o Brasil registra o número de 11,3 milhões de analfabetos entre a população de 15 anos ou mais. Diminuir esta estatística é um grande desafio.  


Esse é um dos objetivos do Instituto Yduqs, responsável pela marca de ensino superior Estácio, e que desde 2018 promove seu projeto gratuito de alfabetização e letramento para jovens e adultos em diversas unidades pelo Brasil. Em Brasília, o projeto será realizado novamente e está com as inscrições abertas até 15 de março. Vale destacar que o programa é gratuito e inclui todo o material didático necessário.


Sobre o projeto


Durante quatro meses, os estudantes matriculados no programa terão aulas presenciais com alunos dos cursos superiores de Licenciaturas da Estácio - como Pedagogia, Letras, História, Geografia e Matemática - com acompanhamento  dos professores da instituição. As aulas acontecem duas vezes por semana, com três horas de duração. Vale ressaltar que todas as aulas e os materiais didáticos são totalmente gratuitos.


A proposta é que ao final do curso os alunos sejam capazes de ler e escrever pequenos textos, com compreensão, além de resolver problemas matemáticos simples, utilizar de forma crítica informações veiculadas nas diferentes mídias e comunicar-se por intermédio de mensagens de texto em aplicativo de dispositivo móvel.


Ampliado, o programa gratuito permite que os alfabetizandos aprimorem a leitura e escrita em novo módulo.


"As edições  passadas deste projeto, realizada nos anos anteriores, foi um sucesso. Os estudantes que participaram do processo ficaram encantados com as possibilidades escolares e profissionais que o curso trouxe para eles, pois puderam ampliar seus horizontes e perceberam que são capazes de aprender e trocar conhecimentos. A expectativa do projeto para este ano de 2024 é que mais estudantes da EJA, que ainda não consolidaram seu processo de alfabetização, possam se beneficiar dessa proposta que tem uma metodologia inovadora, a partir do ensino da língua, a interdisciplinaridade, metodologias ativas e uso de novas tecnologias digitais de informação e comunicação para ajudá-los durante as aulas˜, explica Cecília Vieira, coordenadora do curso de pedagogia da Estácio Brasília.


Um exemplo de superação e do impacto social do projeto, o aluno Jesus Monteiro Lima, que trabalhava em um escritório e os amigos que trabalham com ele perceberam que ele tinha necessidades de alfabetização e interesse em continuar a escolaridade. Os amigos o ajudaram na inscrição e ele aproveitou a oportunidade. Ele sabia tocar violão e na formatura, presenteou a todos com a letra de uma música escrita por ele.  

Ao todo são 14 unidades da Estácio espalhadas pelo Brasil estão participando do projeto, e a lista para consulta está disponível no site.


Serviço:Programa de Alfabetização e Letramento de Jovens e Adultos
As inscrições poderão ser realizadas até 15/03/24
https://institutoyduqs.com.br/alfabetizacao

ou diretamente na Estácio Brasília (CSG 9 lt. 11/12/15/16 - Taguatinga Sul).


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Bio Caldo - Quit Alimentos
Comper