Colaboradores do HRSM fazem doação de sangue coletiva para o Hemocentro

Duas turmas do Hospital Regional de Santa Maria foram ao Hemocentro para doar sangue | Fotos: Divulgação/IgesDF

Finalidade é ajudar a manter os estoques de sangue em alta neste período de epidemia de dengue


Por Agência Brasília* | Edição: Saulo Moreno

Os colaboradores do Hospital Regional de Santa Maria (HRSM) se juntaram em uma ação do bem e promoveram uma campanha de doação de sangue entre os colaboradores da unidade, que se organizaram e montaram grupos para ida até a Fundação Hemocentro de Brasília (FHB).

"Foi uma ação pensada pela equipe de gestão, que organizou o transporte e conseguiu um bom quantitativo de pessoas interessadas em doar sangue. O foco é ajudar nos estoques de sangue do Hemocentro, principalmente agora, neste período de epidemia de dengue, em que deve haver queda nas doações", explica a gerente-geral de Assistência do HRSM, Stephanie Fernandes.

A ida até o Hemocentro ocorreu na terça-feira (5), com sete doadores, e na quarta-feira (6), em que, de 11 colaboradores, oito estavam aptos para realizar a doação de sangue. Para ser doador é preciso estar em boas condições de saúde; ter entre 16 e 69 anos – se for menor de 18 anos, só pode doar com autorização do pai, mãe ou guardião; pesar mais de 51 kg; não ter feito tatuagem, piercing ou maquiagem definitiva nos últimos 12 meses e não ter feito endoscopia nos últimos seis meses.

Se apresentar sintomas respiratórios, como tosse, coriza, dor de garganta ou outros sinais infecciosos, é preciso aguardar 15 dias após a recuperação completa dos sintomas para doar sangue. É fundamental dormir bem na noite anterior, não consumir bebida alcoólica ou usar narguilé nas 12 horas anteriores à doação, e não fumar duas horas antes da doação.

Além disso, quem teve contato com pessoa diagnosticada ou com suspeita de covid-19 nos últimos dez dias fica impedido de doar sangue por sete dias após o último contato. E quem teve diagnóstico para covid-19 e apresentou sintomas deve aguardar dez dias após o fim desses sinais para se candidatar à doação de sangue. Se assintomático, o prazo de dez dias é contado da data de coleta do exame. Pessoas que tiveram dengue comum devem aguardar 30 dias após a recuperação completa.

Segundo a FHB, mulheres podem doar até três vezes em um período de 12 meses, com intervalo mínimo de 90 dias entre as doações. Já os homens podem doar até quatro vezes, no mesmo período, com intervalo mínimo de 60 dias entre as doações.

Na hora da doação, é preciso apresentar documento de identificação oficial com foto (original ou cópia autenticada em cartório), em bom estado de conservação e dentro do prazo de validade.

Os telefones do Hemocentro para dúvidas relacionadas à doação são: 3327-4413/4447 e 99136-2495.

*Com informações do IgesDF

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Bio Caldo - Quit Alimentos
Comper