Cirurgia Ortognática: Quando o procedimento é recomendado?

 

A cirurgia ortognática tem se destacado como uma opção eficaz para corrigir irregularidades na estrutura facial, proporcionando não apenas melhorias estéticas, mas também benefícios significativos para a saúde bucal e qualidade de vida. 

O procedimento é uma intervenção cirúrgica projetada para corrigir deformidades dentofaciais, como desalinhamentos da mandíbula, maxilar e outros problemas relacionados à mordida. A cirurgia ortognática busca não apenas aprimorar a estética facial, mas também melhorar a função mastigatória e corrigir distúrbios que podem afetar a respiração e a qualidade do sono.

Quando a cirurgia ortognática é indicada?

Segundo a cirurgiã dentista Dra. Mari Oliveira, a recomendação para a cirurgia ortognática está associada a casos em que as irregularidades não podem ser corrigidas efetivamente com métodos não cirúrgicos. "Pacientes que apresentam mordida cruzada, assimetrias significativas, apneia do sono e problemas articulares podem se beneficiar desse procedimento", destaca a especialista.

É importante ressaltar que a decisão de realizar a cirurgia ortognática é tomada após uma avaliação detalhada das necessidades e condições específicas de cada paciente. "A abordagem é altamente personalizada, considerando tanto as questões funcionais quanto as estéticas", explica a Dra. Mari Oliveira.

Benefícios além da estética facial

Embora a melhoria na estética seja um benefício evidente, a cirurgia ortognática oferece uma gama de vantagens que vão além da aparência externa. A correção das irregularidades contribui para aprimorar a função mastigatória, resolver dores relacionadas à oclusão inadequada e tratar distúrbios respiratórios, como a apneia do sono.

"A cirurgia ortognática busca restabelecer o equilíbrio entre a função e a estética facial, proporcionando não apenas um sorriso mais harmonioso, mas também melhorando a qualidade de vida do paciente", destaca a especialista.

Consulta especializada e participação ativa do paciente

Antes de optar pela cirurgia ortognática, a Dra. Mari Oliveira enfatiza a importância de uma consulta especializada. "É crucial que o paciente compreenda totalmente o procedimento, discuta suas expectativas e participe ativamente do planejamento do tratamento. A comunicação aberta é fundamental para o sucesso do procedimento", finaliza a cirurgiã dentista.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Bio Caldo - Quit Alimentos