Prefeitos e governadores, atenção! Inscrição no PAC Seleções vai até 10/11

Obras de ampliação no Setor Policial Militar de Brasília / DF -  Foto: Joel Rodrigues/Agência Brasília

O governo Lula reservou R$ 136 bilhões para financiar obras que melhorem a estrutura das cidades e a vida da população


Programa envolve os Ministérios da Educação, da Saúde, das Cidades, da Cultura, dos Esportes e da Justiça e Segurança Pública

Lançado no fim de setembro pelo governo Lula, o Novo PAC Seleções vai destinar, em uma primeira etapa, R$ 65,2 bilhões em novas obras que melhorem a estrutura das cidades e a vida da população. Em uma segunda etapa, serão destinados mais R$ 70,8 bilhões, totalizando R$ 136 bilhões.

As obras podem ser feitas em qualquer cidade do país. E, para que um governo estadual ou municipal seja contemplado, basta enviar suas propostas, de acordo com os editais abertos pelos Ministérios da Educação, da Saúde, das Cidades, da Cultura, dos Esportes e da Justiça e Segurança Pública.

O prazo de inscrição termina em 10 de novembro. Por isso, não perca tempo e acesse a página do PAC Seleções para verificar que tipos de ações podem ser inscritos e obter mais esclarecimentos.

E clique aqui para acesso aos manuais, editais, portarias e instruções normativas e e-mails disponibilizados por cada ministério para esclarecimentos e dúvidas.



"Peço aos prefeitos: nas obras do PAC, contratem as pessoas da cidade em que a obra vai ser feita. Isso gera emprego na comunidade, gera renda, gera comércio, faz o dinheiro circular na comunidade" disse Lula, ao lançar o Novo PAC Seleções, nesta quarta-feira (27). pic.twitter.com/1HaJnLkt8F

— Presidência da República do Brasil (@presidencia_BR) September 27, 2023

Da Redação, com Palácio do Planalto

Emerson Tormann

Técnico Industrial em Elétrica e Eletrônica com especialização em Tecnologia da Informação e Comunicação. Editor chefe na Atualidade Política Comunicação e Marketing Digital Ltda. Jornalista e Diagramador - DRT 10580/DF. Sites: https://etormann.tk e https://atualidadepolitica.com.br

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Comper